As nossas noticias

Início As nossas noticias

No Japão, o Suzuki Jimny tem direito a um museu só para ele

Após a (triste) notícia de que o Suzuki Jimny vai deixar de ser comercializado na Europa durante este ano devido às contas das emissões de CO2, “tropeçámos” neste monumento dedicado à sua história.
Abriu as portas em agosto de 2018, na localidade de Yoda (nada a ver com o mestre Jedi), Fujisawa, e concentra nos seus 660 m2 e dois andares, toda a história do Jimny contada com muitos modelos expostos, desde a primeira geração até à atual. E sem esquecer o modelo que esteve na origem do primeiro Jimny, o raro HopeStar Type ON 4WD.
Curiosamente este museu não é da Suzuki. É sim obra de um homem, Shigeru Onoue (72 anos), um enorme fã do pequeno todo o terreno — comprou o seu primeiro Jimny em 1981 —, e também proprietário da Apio, uma empresa que se dedica a criar acessórios para — já adivinharam — o Suzuki Jimny.

Via: Razão Automóvel

  • Automotive World